Projeto Morro Verde é lançado em grande evento no Dia da Árvore e Prefeita anuncia criação de Eco Parque em parceria com a ONU!

No dia 21 de setembro é comemorado o Dia da Árvore no Brasil. E foi nesta data que a prefeitura de Morro do Chapéu realizou a cerimônia de lançamento do Projeto Morro Verde, encabeçado pela Semarh (Secretaria Municipal de Meio Ambiente) e Seduc (Secretaria Municipal de Educação).
O evento foi realizado na quadra da Escola Municipal Adalberto Pereira, com início às 10h. O projeto visa desenvolver atividades de educação ambiental formal e não formal, através do plantio de mudas nativas em escolas da rede municipal de ensino e na comunidade, com o intuito de sensibilizar a população sobre as questões ambientais.
Inicialmente, o município recebeu doações de 3 mil mudas de plantas nativas por iniciativa de empresas de geração de energia eólica instaladas na cidade, que serão plantadas, em um primeiro momento, em escolas da rede municipal e logradouros públicos. Posteriormente essas mudas serão plantadas em áreas degradadas em Morro do Chapéu. Um viveiro municipal já está sendo criado para essa finalidade.
“Nós amamos desafios. E a gente supera cada desafio a cada dia, com a cabeça erguida. E o Projeto Morro Verde é isso, um desafio. Nós vamos plantar não somente a semente de uma árvore, mas também a semente de um amanhã melhor para todas as crianças”, disse a prefeita Juliana Araujo em seu discurso de abertura da cerimônia. A gestora ressaltou que este é um momento histórico para Morro do Chapéu, uma vez que as gestões anteriores praticamente ignoraram a riqueza natural e arqueológica do município, que chegou a sofrer ações e intimações do Ministério Público justamente pelo descaso com o meio ambiente. “Se as outras gestões foram omissas com o meio ambiente, nós não seremos omissos”, pontuou a prefeita.
A preocupação com o meio ambiente em Morro do Chapéu é uma das principais bandeiras da atual gestão, tanto para garantir a qualidade de vida da população, quanto para preservar a biodiversidade local e fomentar o turismo no município, que tem grande potencial para geração de renda e empregos. E a prefeita informou, em primeira mão ao público presente, uma grande notícia: “Nós fomos selecionados para ter um ecoparque em Morro do Chapéu e resolver de vez o problema do lixo”, comemorou. Será um projeto financiado pela ONU (Organização das Nações Unidas), sem nenhum custo para o município, que enviou um projeto e disputou com diversas outras cidades do Brasil para conseguir realizar esse grande projeto.
Além da prefeita Juliana Araujo, diversas outras autoridades participaram do evento e dissertaram sobre a importância do Projeto Morro Verde, entre eles a secretária municipal de Meio Ambiente Ana Raquel Cedraz, a secretária municipal de Educação Flávia Oliveira, Dr. Pablo Almeida (promotor de Justiça do Ministério Público da Bahia), o ambientalista Almacks Luiz, a bióloga Deizze Rocha (Núcleo de Educação Ambiental), Major PM Sheila Karina (CIPPA – Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental/Lençóis), entre outros.
Também foram convidados dois palestrantes: Prof. Gustavo Shacht, geógrafo da UFRB (Universidade Federal do Recôncavo Baiano), que trabalha há cerca de três anos no Parque Estadual Sete Passagens, em Morro do Chapéu, apresentou o tema “A vida secreta das árvores”; e Dr. André Krull (advogado especialista em direito ambiental), que falou sobre Licenciamento Ambiental Municipal.
Após as palestras, à tarde foram plantadas mudas de árvores nativas na cidade com a presença de algumas das autoridades presentes na cerimônia de lançamento, incluindo a própria prefeita Juliana Araujo. Foram plantas mudas na Escola Municipal Iêda Barradas, Creche Tio Lauro, Colégio Coronel Dias Coelho e na rua José Marcelino.
Enfim, foi um grande marco para Morro do Chapéu em defesa e preservação do meio ambiente e patrimônio natural do município. O Projeto Morro Verde abrangerá diversas outras ações durante toda a atual gestão e deve ser um importante legado para as gerações e gestões futuras.

Prefeita de Morro do Chapéu anuncia criação de ecoparque em parceria com a ONU

A prefeita de Morro do Chapéu, Juliana Araújo (PL), anunciou a criação de um ecoparque no município em parceria com a Organização das Nações Unidas (ONU). “Nós fomos selecionados para ter um ecoparque em Morro do Chapéu e resolver de vez o problema do lixo”, afirmou a gestora, durante o lançamento do Projeto Morro Verde, coordenado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semarh) e Secretaria Municipal de Educação (Seduc).

De acordo com a prefeitura, o ecoparque não acarretará em nenhum custo para o município, que disputou com várias outras cidades do Brasil a condição de receber a iniciativa.

Através do Morro Verde, o município recebeu 3 mil mudas de plantas nativas doadas por empresas de geração de energia eólica instaladas na cidade. As mudas serão plantadas inicialmente em escolas da rede municipal e em logradouros públicos. Em uma fase posterior, essas mudas serão plantadas em áreas degradadas da cidade. Um viveiro municipal será criado com este objetivo.

Além da prefeita, participaram da cerimônia a secretária municipal de Meio Ambiente, Ana Raquel Cedraz, a secretária municipal de Educação, Flávia Oliveira, o promotor de Justiça do Ministério Público da Bahia Pablo Almeida, o ambientalista Almacks Luiz, a bióloga Deizze Rocha (Núcleo de Educação Ambiental) e a major PM Sheila Karina, da CIPPA – Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental/Lençóis), entre outros.(Jornal A Tarde)

Deixe um comentário