Policia prende homem por crime de receptação e extorsão em M. do Chapéu!

POLÍCIA CIVIL DA BAHIA
14° COORPIN
DELEGACIA TERRITORIAL DE MORRO DO CHAPÉU/BA
TIPIFICAÇÃO: ART. 180 e ART. 158 do Código Penal (Receptação e Extorsão)
DATA: 07/07/2021
HORA: 17:00h
LOCAL: Morro do Chapéu/BA
PROCEDIMENTO: AUTO DE PRISÃO EM FLAGRANTE DELITO EM DESFAVOR DE G.B.D
IP: 143/2021
OCORRÊNCIA POLICIAL: 21-00530

Na data acima citada, compareceu na DT de Morro do Chapéu a pessoa de M.N.S informando ter sido vítima do crime de furto no dia 04/06/2021, ocasião em que teve o seu aparelho celular subtraído.
Na unidade policial, a vítima relatou que nos últimos dias passou a ser contatado pela pessoa de G.B.D, o qual, via mensagens e áudios no aplicativo Whatsapp, informou que estava em posse do celular e passou a exigir que o proprietário lhe pagasse a quantia de R$500,00 reais para que devolvesse o referido aparelho. Diante disso, a vítima dirigiu-se a está DEPOL a fim de registrar a ocorrência, posto que, além de ter sido vítima de furto, passou também a ser coagido a pagar para que tivesse seu celular restituído.
Diante do relato, de imediato uma equipe da Polícia Civil empreendeu diligências no sentido de localizar o autor da extorsão, bem como de recuperar o aparelho celular subtraído. Após a devida apuração, a equipe logrou êxito em localizar e identificar a pessoa de G.B.D, o qual encontrava-se na residência de sua genitora. Ato contínuo, questionado sobre o telefone celular, G.B.D informou que havia deixado o aparelho numa loja de assistência técnica a fim de desbloquear o telefone, demonstrando ter ciência da origem ilícita do aparelho. Sendo assim, a equipe policial civil conduziu o suspeito até a loja, oportunidade na qual foi possível recuperar o aparelho objeto de crime. Ante a autoria e materialidade comprovadas, autor e aparelho foram levados à Delegacia de Polícia Civil desta cidade a fim de lavrar o respectivo Auto de Prisão em Flagrante Delito.

Autuado: G.B.D
Material apresentado:
. Aparelho celular modelo XIAOMI REDMI NOTE 8
Providência necessária: Aparelho celular devidamente restituído à vítima, a qual comprovou a propriedade mediante a apresentação da respectiva nota fiscal.

Fonte: Polícia Civil da Bahia

Deixe um comentário