No Dia Internacional da Mulher Nonoi escreve: A Mulher e Sintaxe!

A MULHER E A SINTAXE
Por Noedson Valois
Mulher, não quero te estudar apenas como um termo essencial da oração, quando exerces o papel de sujeito, como em: “No dia 8 de março, como em outro dia qualquer, a mulher merece o nosso carinho”. Hei de estudar-te sempre como elemento essencial, mesmo quando representas apenas um termo integrante, como na oração: “No dia 8 de março, toda a sociedade homenageia a mulher”. (Objeto direto) Ou ainda: “Toda a sociedade necessita da mulher”. (Objeto indireto). Sempre serás essencial, ainda que figures apenas como um termo assessório: “Helena, a mulher de Menelau, é cantada e decantada. (aposto).
Mulher…sempre essencial!

Deixe uma resposta