Posto de Vigília 204: A Regeneração do Mundo tem Prazo!

A REGENERAÇÃO  DO MUNDO TEM PRAZO  – Amigos: Estudo Escatologia do mundo desde menino, sempre interessado em Profecias. Nos últimos anos, muitas datas foram programadas e nenhuma delas se cumpriu, o que desmoralizou essas previsões do chamado “fim do mundo”.  Mas hoje, com base em estudos mais aprofundados, como a Gnose e a Teosofia, sabemos que não há “fim do mundo” e sim fim de Eras, como já houve a Hiperbórea,  Lemúria, Atlântida e Ariana (a atual). Cada Raça tem sete sub-raças e nossa História agora passa da Quinta sub-raça para a Sexta. Essa mudança é o que chamamos Apocalipse, não no sentido de fim e destruição, mas no sentido real de Revelação. E o que é uma Revelação? É apenas a passagem de um degrau que se finda, para outro degrau que está chegando. Um símile ideal é a passagem de um grau escolar para outro mais adiantado. E quando ocorre essas passagens? Quando parte da humanidade já atingiu um nível de Consciência – em todos os sentidos da consciência – e sua Evolução está exigindo um novo Modelo de Civilização. Uma civilização mais consciente, mais harmonizada com as Leis do Universo, mais justa e verdadeira, mais humanizada e respeitadora do equilíbrio que mantém a Ordem universal. É norma rotineira que as humanidades, não só da Terra, como de outros orbes do Universo, em geral não evoluem por igual e somente uma parte alcança o tal nível de consciência. É daí que surge a “separação do joio e do trigo”, quando os que se elevaram permanecem no mundo Regenerado e os demais são remanejados para mundos de evolução inferior, onde continuarão sua evolução. Hoje se fala muito nos Exilados de Capela, que foi um grupo daquele sistema solar, que não alcançou o patamar de consciência exigido e foram trazidos para nosso planeta, isso há uns seis mil anos e que deram origem a algumas raças que até hoje aparecem diferenciadas. Aliás, esse fato explica bem porque temos na Terra vários povos que não se inserem numa origem comum, como se imagina. Podemos citar as raças chinesa, indu, africana, árabe, hebreia e outras. Um dos SINAIS dessa aproximação da Revelação é bastante evidente: Os choques ideológicos na política, praticas não naturais, hábitos nocivos ao bom senso, éticas condenáveis, transgressão das leis naturais, injustiças, egoísmos, maldades e coisas abomináveis que despertam o clamor de justiça e respeito, que vemos hoje pelo mundo inteiro. E é dentro desse contexto, facilmente observável, que surgiu nos últimos anos, informações de boa credibilidade, nos dando uma cronologia lógica e bem razoável, que se conecta com os informes deixados pelos grandes Profetas, inclusive bíblicos, como Daniel, Isaías, João Evangelista, Paulo de Tarso e o famoso Sermão Profético de Jeus (todo o Capítulo 24, de Mateus, em seus 51 versículos). Mas essas previsões aparecem também em várias outras fontes (como já expliquei aqui), por mensagens intuitivas, mediúnicas e até por fontes extraterrestres, via Contatados, vastamente estudados pela Ufologia. E que se diga, aqui, de passagem, que há boas informações de que essas mudanças globais em nosso Planta sempre foram supervisionadas por Inteligências extraterrestres que monitoram as civilizações do Espaço. Esse é um fato que ainda não foi bem assimilado pela nossa Cultura, como muitos outros fatos que merecerão brevemente uma radical interpretação. E uma delas – a mais grave de todas – é a questão da ORIGEM DA VIDA AQUI NA TERRA. Mas isso fica para outra ocasião. No próximo artigo falaremos sobre a Cronologia da Regeneração, com ênfase no Ano 2057.

           Alonso Valdi Regis

           Morro do Chapéu BA  15.Dez.2020

            alonsovregis@gmail.com

Deixe uma resposta