Operação prende 11 pessoas e apreende quase 300 animais silvestres em Jacobina e região!M. do Chapéu também é alvo da operação!

Operação da 44ª etapa de Fiscalização Preventiva Integrada (FPI) recuperou um carro que havia sido roubado, prendeu onze pessoas e recuperou quase 300 animais silvestres. A ação foi realizada em 10 cidades da região centro-norte da Bahia e teve inicio na segunda feira (6) e segue até a próxima sexta-feira (10).
Na segunda-feira (6), no município de Jacobina, a equipe da FPI encontrou em uma residência 35 animais silvestres em cativeiro, partes de um animal abatido e mais de R$ 5 mil reais em dinheiro, além de 300 gramas de ouro, escondidos em uma casinha de cachorro.
O dono do imóvel fugiu do flagrante, mas se apresentou na delegacia da cidade, na terça-feira (7), quando foi preso. Ele já tinha passagem pela polícia por caça e criação de animais silvestres sem permissão do Ibama, posse ilegal de armas e munição, entre outros crimes ambientais.
Durante a fiscalização, a equipe de Mineração, que está focada na extração ilegal de areia na região, flagrou ações que configuram crime ambiental. Foram apreendidos seis caminhões que realizavam transporte irregular, um veículo foi recuperado e uma pessoa foi presa em flagrante por receptação do material.
Na quarta-feira (8), um homem foi preso e responderá pelo crime de receptação, após ser flagrado com um carro roubado. As equipes chegaram até ele durante averiguação de uma denúncia sobre um cativeiro ilegal de animais silvestres, no município de Mirangaba.
As cidades de Jacobina, Andorinha, Campo Formoso, Mirangaba, Miguel Calmon, Várzea Nova, Morro do Chapéu, Ourolândia, Umburanas e Jaguarari são alvos da operação. São fiscalizadas barragens, fauna silvestre, saneamento básico, educação ambiental, desmatamento, utilização irregular de agrotóxicos, uso irregular da água, extração mineral, comunidades tradicionais, patrimônio cultural e histórico, entre outras.
Com informações do G1Bahia

Deixe uma resposta