Em Prosa e Verso Nonoi Escreve: Caçador de Poesia!

CAÇADOR DE POESIA
Por Noedson Valois

Um dia, saí andando,
Por uma estrada, sozinho,
E ali, fui procurando
Poesia pelo caminho.

Enquanto ali procurava,
A poesia voou.
Com a ave, bateu asas,
Mas de mim não se afastou.

Ao assustar-me, adiante,
Com a aparição de uma cobra,
Vi que ali, naquele instante,
Havia poesia de sobra.

Percebi, em suas dobras,
Um lagarto entrelaçado.
Mais poesia que a cobra
Havia a mim reservado.

O horizonte a contemplar,
Achei poesia no vasto.
Voltando ao chão o olhar,
Ela andava em meu rasto.

Em tudo a poesia vi
Porque ela em tudo acho.
Até no ouricuri,
Achei poesia de cacho.

Há poesia por todo lado,
Encontro em todo lugar.
Até no ramo desfolhado,
Vejo a poesia brotar.

Deixe uma resposta